19.12.14

Chegou..ebaaaaaaa!

Meninas acabei de receber os mimos da amiga Dona Gam, são lindos tem vários tecidinhos um mais lindo que o outro, revistas, agulha de croche muitos miminhos e uma cartinha muito carinhosa obrigado querida, que Deus lhe de em dobro. Então resolvi fazer um selfie  com um de seus miminhos kkkkkkk...beijos no coração Gam!



16.12.14

Amei...amei...amei!

Gente só esse anjo pisciano e mineirinho chamado Dona Gam do bog http://gamdollsdois.blogspot.com.br/ para me deixar tão feliz quanto uma criança que ganhou brinquedo novo logo cedo.
Adorei seus mimos, seus trabalhinhos, vou guarda-los com muito carinho e fazer miminhos para meu netinh(o) ou (a) que esta para chegar e quando estiverem prontos prometo que postarei.
Beijos menina arteira!!!!!




12.12.14

Fé...esperança

Eu acho que se fuçar direito nesta Caixa de Pandora a Fé  também esta lá!!!
Porque a Esperança não consegue caminhar sozinha, ela precisa da Fé para caminhar.
Mesmo que a Fé seja em si próprio, ou na sua alma para quem acredita, nesta força e energia imensa que criou esta Natureza perfeita e nos deu gratuitamente para ser cuidada, e nós mesmos estamos destruindo com a falta de amor ao próximo e a ganância.
 Até em nome de DeuS que é o nome que eu dou a esta força suprema que mantem toda essa maravilha chamada Universo. 
Me desculpem mas ainda acho que a Esperança não sabe caminhar sozinha...



A Caixa de Pandora

A primeira mulher chamava-se Pandora. Foi feita no céu, e cada um dos deuses contribuiu com alguma coisa para aperfeiçoá-la. Vênus deu-lhe a beleza, Mercúrio, a persuasão, Apolo, a música etc.

 Assim dotada, a mulher foi mandada à Terra e oferecida a Epimeteu, que de boa vontade a aceitou, embora advertido pelo irmão para ter cuidado com Júpiter e seus presentes. Epimeteu tinha em sua casa uma caixa, na qual guardava certos artigos malignos, de que não se utilizara, ao preparar o homem para sua nova morada. Pandora foi tomada por intensa curiosidade de saber o que continha aquela caixa, e, certo dia, destampou-a para olhar.

Assim, escapou e se espalhou por toda a parte uma multidão de pragas que atingiram o desgraçado homem, tais como a gota, o reumatismo e a eólica, para o corpo, e a inveja, o despeito e a vingança, para o espírito.Pandora apressou-se em colocar a tampa na caixa, mas, infelizmente, escapara todo o conteúdo da mesma, com exceção de uma única coisa, que ficara no fundo, e que era a esperança.

 Assim, sejam quais forem os males que nos ameacem, a esperança não nos deixa inteiramente enquanto a tivermos, nenhum mal nos torna inteiramente desgraçados.

Thomas Bulfinch - O Livro de Ouro da Mitologia


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...