30.7.10

Simplicidade


Centrinho de mesa simples e fácil de fazer, já esta na mesa da minha mami!
Espero que gostem.Beijocas com sabor de final de semana!





“Aquele que é simples e sem rodeios no seu comportamento revela aquilo que sente e pensa de forma natural. Assim como em um palácio de espelhos tudo se torna visível, a verdade e limpeza de seu caráter espelham-se nas palavras e nas ações, sem deixar dúvidas ou reservas quanto à pureza de suas intenções. A verdadeira grandeza está na simplicidade.”

26.7.10

Segundona com NIVER!!!!

orkut e hi5, Parabéns, recados para orkut, frases, palavras, mensagens em gif


Como toda boa coruja não poderia deixar passar batido.
My baby, happy niver teacher!!!!!
Resolvi postar para vocês conhecerem as várias faces da minha criança que esta fazendo hoje 27 aninhos, qualquer dia eu conto um pouquinho da sua história, ele é uma benção que Deus deixou pra mim.
Nós te Amamos!!!!!!!!!





Beijos,paz,saúde e muita paciência para todas nós vovós!

24.7.10

Bom fim de semana...


As vezes vejo em jornais e revista artigos dizendo que as pessoas estão tentando humanizar os animais ou então dizem já que gastam tanto com animais porque não adotam uma criança.

Sou obrigada a discordar pro vários fatores: eu sempre tive vontade de adotar não uma, mas várias crianças, só que a burocracia é tão grande, que se um casal já não consegue adotar imagina uma mulher sozinha, casais gays então nem pensar! esbarramos no preconceito que é uma das piores doenças que existe, porque não tem remédio nem tratamento( ignorância é a pior das doenças).

Vemos Nardones da vida jogando crianças pelas janela, vemos promotoras serem chamadas de bruxa pela revista veja, espancando criançinhas de 2 anos de idade (que efensa as bruxas!),vemos crianças morrendo dentro das salas de aula por balas perdidas,vemos familias arrasadas pelas perdas.

Realmente! acho que é melhor deixar as criançinhas nos orfanatos do que melhorar as nossas leis e quando alguém resolve rever essas leis tem a brilhante idéia, porque é época de eleições de assinar um artigo proibindo a palmadinha, BRAVOS...BRAVOS...BRAVOS...vamos aplaudir!
Pegamos animais, porque são doados não tem nenhuma burocracia só precisamos ter amor,e queremos que nossos filhos convivam com eles desde pequenos fazendo assim aflorar o instinto de amor, de cuidar, de dividir,de caridade e até de saber conviver com o que é perder alguém que amamos desde cedo.

Hoje em dia com tanto progresso e o ser humano cada vez mais ocupado em "Ter" e não "Ser" estão se transformando em criaturas grotescas, que chama-los de animais é uma ofensa a esses bichinhos. 

Precisamos parar e refletir com o que é realmente necessários.

Não que queremos de jeito nenhum humanizar os animais, do jeito que as coisas vão acho que precisamos animalizar os humanos, acho que daria mais certo...

Desculpem o meu desabafo, mas estava precisando.Beijos.

21.7.10

Se não levarem eu choro!




Apesar do dia dos amigos ter sido ontem. Só hoje eu tive tempo suficiente para fazer este selinho, para todas as minhas seguidoras e pessoas amigas que passam por aqui e parecem gostar do meu quintal, das minhas idéias, até de algumas bobagens que eu posto.
Gostaria de poder responder a todos os comentários, mas na maioria das vezes não da tempo, procuro dar uma passadinha nem que for rapidinho para ver como estão seus trabalhos e as novidades, como a Melody o bebe da Elaine, o bebe da Patty que esta chegando e tudo de bom que vocês fazem.
Bom! Chega de blá... blá... blá..., levem o selinho pois vão me fazer muito feliz.Beijocas.

19.7.10

Para começar bem a semana...

Fim de semana com o meu anjinho é assim. Uma benção, eu esqueço tudo de ruim que existe, é só alegria rs...rs...rs...rs... e muita arte!!!!!!!!




Acho que ele estava com vontade de brincar de gasparzinho o fantasminha camarada e resolveu tomar um banho de talco para ver se ficava igual.







Ele quase conseguiu! Essas coisas tem que ser fotografada e guardada com carinho no albúm e na lembrança, porque é o que nos da força para seguir em frente. Beijos e uma ótima semana!

17.7.10

Toca-me... Reflexão.



Se sou teu bebê, por favor toca-me
Preciso do teu toque de formas que nunca poderás entender.
Não me laves e vistas e me alimentes apenas
Mas embala-me, beija a minha cara e acaricia o meu corpo.
O suave toque da tua mão transmite-me segurança e amor.
Se sou tua criança, por favor toca-me
Mesmo se me afasto ou te resisto Persiste, encontra maneiras de conhecer as minhas necessidades,
O teu abraço de boa noite adocica os meus sonhos
O teu toque durante o dia diz-me o que sentes por mim.
Se sou teu adolescente, por favor toca-me
Não penses que por estar a crescer eu não preciso de saber que tu ainda gostas de mim
Eu preciso do teu abraço de amor, eu preciso da tua voz suave
Quando o caminho se torna difícil, a criança que há em mim ainda precisa de ti.
Se sou teu amigo, por favor toca-me
Não há como um abraço caloroso, para me dizer que gostas de mim.
Uma mão tranquilizante e amiga quando estou deprimido mostra-me que sou amado
E assegura-me que não estou sozinho.
O teu toque reconfortante pode ser o único que eu recebo.
Se sou teu parceiro, por favor toca-me, podes pensar que a tua paixão seja suficiente
Mas só teus abraços afastam os meus medos
Preciso do teu toque suave e reconfortante para me relembrar que sou amado por ser como sou.
Se sou teu filho crescido, por favor toca-me
Mesmo tendo a minha própria família para abraçar,
Ainda preciso do abraço da Mãe e do Pai quando dói
Como Pai tenho uma visão diferente
Eu aprecio-vos mais.
Se sou teu Pai idoso, por favor toca-me
Da mesma forma que era tocado quando era criança.
Dá-me a mão, senta-te perto de mim, dá-me força
E aquece o meu corpo cansado com o teu aconchego
Mesmo que a minha pele esteja enrugada e gasta,
Gosta de ser acariada.
Tenham um excelente final de semana!
Beijocas..beijocas...beijocas... para todas vocês!!!

13.7.10

Mãos...




Bendita Sejas

Bendita sejas, mão piedosa e pura, Em cujos doces dedos, de mansinho, A caridade tece o brando arminho Com que afagas miséria e desventura. Estrela fulgurante em noite escura, És a consolação, a paz e o ninho Dos aflitos, que choram no caminho, Sob as chagas da sombra e da amargura... Mão que repartes luz, pão e agasalho, Coroada na glória do trabalho, A refulgir em todas as igrejas!... Por toda a gratidão que te abençoa, Mão que ajudas, contente, humilde e boa, Deus te guarde, feliz! Bendita sejas!...
Auta de souza

12.7.10

Reciclando.






Olá meninas, espero que vocês tenham descansado bastante este final de semana!
Lembram dos pratinhos para vasinhos?
Hoje estou postando o que eu fiz com o restante da garrafa, tanto pode ser usado como puxa-saco ou para reserva de papel higiênico em seu banheiro.Coloquei as fotos no final para terem uma idéia + ou - como foi feito.Espero que gostem, e se gostarem deixe sua opinião, é muito importante para mim.Beijocas no coração!
















3.7.10

Belezas da cultura Indiana.





GANGOTRI

A Nascente do Ganges nos Himalayas
por Gurusevananda Dasa

“Oh Ganga devi, suas águas são o néctar do amor a Deus. O mero pronunciar do seu nome inspira serviço devocional ao Senhor Supremo. Por sua misericórdia as pessoas adquirem o gosto pelo cantar dos santos nomes de Krishna” (Caitanya Mahaprabhu).





A literatura védica explica que o Rio Ganges tem sua origem nas águas espirituais do oceano causal, que adentram o universo após terem lavado os pés de lótus do Senhor Supremo. Esse canal de energia espiritual flui através dos planetas superiores na forma da Via Láctea, e então continua aqui na terra como o rio Ganges. Estas descrições aparecem em vários Puranas e são bastante extensas, mas em resumo podemos dizer que as águas do Ganges são a forma liquefeita do amor e compaixão divinos, que providencialmente adentra o universo para purificar todas as entidades vivas e conduzi-las de volta ao lar, de volta ao Supremo.




Desde milhares de anos, na Índia, as pessoas costumam peregrinar até o glaciar de Gomukha, a origem terrestre do rio Ganges, passando primeiro por Haridwar, o “Portal dos Himalayas”, e subindo por Gangotri, para visitar o templo de Ganga devi. A nascente do rio Ganges fica a 19 Km de caminhada depois do templo em Gangotri. A seguir mostraremos algumas fotos dessa peregrinação.

Haridwar – O “Portal dos Himalayas”







Acima vemos o famoso “ghat” chamado “Hari ki Pauri”, onde milhares de peregrinos se banham todos os dias. Do outro lado do Ganges paira uma imponente imagem do senhor Shiva, a deidade predominante na região.
Rishikesha – “Centro de Yoga e Meditação”




A 24 Km de Haridwar, rio acima, fica Rishikesha, onde nos deparamos com uma atmosfera mais tranqüila, comparada com a multidão agitada em Haridwar. Aqui encontram-se inúmeros ashrams de yoga onde pessoas de toda parte do mundo se reúnem para aprender as técnicas de asanas, pranayama e meditação. Mais uma vez temos a presença do senhor Shiva como o mestre da yoga.

Gangotri – “A Morada de Ganga-devi”




Gangotri é a morada de verão da deidade de Ganga-devi. No inverno o local fica completamente tomado pela neve e as estradas, que já são precárias em condições normais, ficam intransitáveis. Por isso os pujaris descem com a deidade para uma vila mais abaixo no inicio de Novembro, e voltam a trazer a deidade numa procissão no inicio de Maio.



Uma coisa interessante ao redor de Gangotri é que você encontra inúmeras cavernas, quase todas habitadas por yogis que vivem de forma muito austera, desapegados de qualquer conforto material. Alguns deles permanecem aqui mesmo durante o inverno, quando ficam literalmente ilhados dentro de suas cavernas, subsistindo apenas do estoque de arroz, dal e farinha de trigo que precisam administrar por 6 meses. Durante o verão muitos destes yogis e sadhus recebem hóspedes em suas cavernas e são bem amigáveis, mas para poder interagir com eles é bom saber um pouco de Hindi, pois a maioria não fala bem inglês.

A beleza do Ganges aqui é simplesmente indescritível. Mesmo fotos não conseguem capturar o encanto e a energia que Ganga devi manifesta neste local. E para compor o cenário, temos ainda as majestosas montanhas dos Himalayas e agradáveis bosques de pinheiros acompanhando o curso do Ganges. Banhar-se nessas águas é uma experiência altamente revigorante e purificante. 

Gomukha – “A Nascente Glaciar do Ganges”



A caminhada de 19 Km de Gangotri a Gomukha é uma experiência imperdível.. A cada curva do rio descortina-se uma nova paisagem impressionante. Essa beleza é uma criação conjunta da Mãe Ganga com o Pai Himalaya. Durante todo o percurso encontramos pequenos riachos de água cristalina, cheia de prana, para refrescar e matar a sede dos peregrinos. Além do mais, o caminho é todo decorado com rosas brancas e vermelhas, bem como outras variedades de florzinhas, que crescem naturalmente na região. Poucos kilometros antes de Gomukha situa-se o rústico acampamento de Bhojavasa, onde podemos conseguir alimentação e hospedagem.




Ao nos aproximarmos de Gomukha temos uma visão espetacular: de um lado soergue-se o majestoso monte Bhagirathi (6510 m); do outro lado situa-se o imponente Shiva-Lingam (6540 m); e entre os dois vemos um glaciar de quase 100 metros de altura, 4 Km de largura em algumas partes, e 30 km de comprimento. Esta formação nos lembra o rosto de uma vaca gigante, tendo as duas montanhas como chifres e a geleira como sua boca. Daí o nome Go (vaca) Mukha (face ou boca).

Apartir daqui o rio Ganges flui magnanimamente, percorrendo todo o norte da Índia até Ganga-sagar, na Bahia da Bengala. Dessa forma, Ganga-mayi purifica todas as entidades vivas que entram em contato com ela, inspirando-as a cantarem os santos nomes e a praticarem serviço devocional. Sem fazer distinção de espécie alguma, Ganga-devi distribui suas águas para todos, santos ou pecadores, sem esperar nada em retorno. Suas águas ricas em sedimentos minerais fertilizam o solo pelas terras que banham, assim como os devotos do Senhor tornam férteis para o serviço devocional o coração daqueles que com eles se associam. Indesviável, ela segue seu curso até o oceano, assim como os devotos devem seguir sempre rumo a Krishna, a despeito dos muitos obstáculos que possam surgir no caminho. Inspirados no exemplo da rainha Kunti, podemos oferecer a seguinte oração meditando no rio Ganges.
tvayi me 'nanya-vishaya matir madhu-pate 'sakrit
ratim udvahatad addha gangevaugham udanvat'

“Oh meu amável Senhor, permita que as ondas de ternura em meu coração transbordem e fluam constantemente rumo aos Teus pés de lótus, assim como as águas do Ganges fluem rumo ao mar”. (Srimad-Bhagavatam 1.8.42)*

OM TAT SAT

*Nota: Considerando o contexto em questão, tomei a liberdade de apresentar aqui minha própria tradução deste verso com a idéia de dar ênfase especial as palavrasudvahatad (possa transbordar) e ganga-iva-ogham(como as ondas do Ganges). Em relação ao vocativo “Madhu-pate”, Srila Prabhupada explica no “Ensinamentos da Rainha Kunti” que o significado específico deste nome é que ele se refere a Krishna como o matador do demônio Madhu (que também quer dizer mel). Em outras palavras, Krishna mata nossa atração pela falsa doçura deste mundo e nos mostra que na realidade Ele é que é a doçura personificada, o verdadeiro objeto do nosso amor.
Sempre recebo artigos lindos do grupo Amigos de Krishna, então resolvi repartir com vocês esta beleza.

- Cida Lopes também é cultura!!!!!!!

"Tenham um final de semana iluminado" Beijos.



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...